Tradutor

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

MOSTRA VAI 2008 -ZONA NORTE

Ontem estivemos participando da Mostra VAI -2008 (Zona Norte), que reúne os grupos comteplados com o edital da Secretaria Municipal de Cultura. O evento aconteceu no Largo da Matriz, na Freguesia do Ó, um dos dos pontos culturais mais movimentado da região. que também é cercado de barzinhos.

Apresentamos um sarau na praça, juntamente com o coletivo da Revista Menisquência e os parceiros da Poesia na Brasa, com uma hora de intervenção, muita poesia no ar, no exercicio da oralidade. Realmente nada como fazer um sarau nos bares da vida, que se tornaram verdadeiros terreiros das palavras, mas como a proposta é levar nossa arte em todos os espaços populares, o recital na praça foi um desafio prazeroso.

Além disso, foi uma boa oportunidade de ver a performance dos outros grupos que estão desenvolvendo seus projetos em diversos bairros, na dança (jongo, maracatu, street dance), no teatro, biblioteca, música, até a oficina de Dj se apresentou e fiquei bem contente em ver essa atividade, pois a arte dos toca discos é dificil se desenvolver entre os jovens, por conta do custo da aparelhagem e dos vinis, mas os manos e as minas que são alunos da oficina do Dj Pow (Império) representaram.

Os grupos que tem interesse em concorrer ao VAI devem ficar ligados, pois a data das inscrições estão quase chegando, para o edital de 2009. Vale muito conferir, pois esse ano nós produzimos e realizamos diversas atividades e publicações com esse apoio, visitando escolas, comprando aparelhagem pro sarau, realizando lançamentos de livros, saídas coletivas para outros espaços culturais coma nossa cmunidade, lógico que se o trabalho não for executado com responsabilidade e disposição, não há dinheiro que salve, mas que foi mó axé foi. Até porque nada mais justo receber um investimento público para consolidar espaços culturais, o dinheiro é nosso por direito e como não é investido devidamente pelo estado, agora temos a oportunidade de receber e administrar nossa própria grana, e por isso a responsa de trampar é grande.

Nossa região é a que menos tem projetos aprovados na esfera pública, mas no ano que vem já esté sendo articulado um movimento de junção entre Hip-Hop e Skate em Pirituba, percebi que os irmãos entenderam o recado, tamô junto pra somar. Nós não vamos concorrer em 2009 ao VAI, mas o Elo da Corrente não para, pelo contrário, pretendemos lutar e conquistar mais e mais em 2009, somar com os parceiros e fortalecer a boa camnhada dessa cena literária que hoje brota poesias nos bares suburbanos de Sampa.

Ontem litros, hoje livros

Michel

Um comentário:

Robson Canto disse...

SALVE FAMÍLIA!!!!!!