Tradutor

terça-feira, 11 de março de 2008

MALANDRO FIQUE DE BOA... por ALERTA AO SISTEMA

Grupo Alerta ao Sistema


A maldade tomou conta de lá
E mesmo assim não precisei acionar
Vários boatos que vieram de lá
Fiquei firmão vendo o tempo passar
Só esperar , quando Jesus voltar
E sem mais, sem mais vacilar
Não vou, não vou chorar


O tempo passa, o homem cria maldição
Aumenta a ruindade multiplica ambição
Finado, irmão antecipa vários nomes
Mundão, a vida loca te absorve
Então, ser otário ou não aumenta suas chances
Ou o preço do caixão
E as vezes vale a pena até pagar de lock
ou não, qualquer treta apresentando a clock
Ladrão
Eu Quero ver minha mãe feliz
E não vê-la chorar me visitando lá no xis
E o crime esquenta minha blusa de lã
Na boca do vulcão com o pé no Vietnã
Lágrima escorre ferida no coração
Em frente a cruz a Jesus pedi perdão
E é Mó mão na idéia de criaca
Na cinta o canhão o desejo de quem mata
Desgraça, o alimento para o cão
A chagas, que domina a nova geração
Mó guela, vacilão
na madruga ouve o berro
Deixou em outra mão morreu com o próprio ferro
Firmão, to de passagem, aqui pro que consta
No pião bato de frente, tem no pente pra troca
Se meu espírito é fraco meu corpo vou salvar
O que eu vou dizer quando Jesus voltar.

Ae malandro
Fique de boa
Descanse o calibre
Mesmo tando na bronca
A favela vive em guerra
Não é a toa
Os vermes desta Terra
somente Deus perdoa


O Sistema e a policia impõem medo
O Preconceito porém o respeito
Prevalece no gueto
Eu Sou ligeiro
Não, não isqueiro
E cabe no meu peito
Os trutas dá pra conta nos dedos
Tipo o fim Sem a parte do meio
Tipo um homem no inferno sobrevivendo
Oh Jesus, me de a sua mão divina
Tire toda maldade da minha humilde vida
No rabecão ponho a bala no tambor
Ae boi, não reage pelo amor
Eu Não to afim, de te dar um apavoro
E Por causa do seu dinheiro te ver morto
Mas, o meu pivete ta pedindo almoço
Eu Sou mais um desempregado
Transformado em monstro
A sociedade tem seus olhos voltados para o ouro
Atualmente o amor esta morto

Ae malandro
Fique de boa
Descanse o calibre
Mesmo tando na bronca
Favela vive em guerra
Não é a toa
Os vermes desta Terra
somente Deus perdoa

Muitas vezes eu já tentei sumir
E pergunto para mim mesmo que vida é essa aqui
Muitas lágrimas de angústia, choro e dor
Só que procuro a solução nas palavras do senhor
Cenário é triste mas guerreiro ainda resiste
Periferia chora mas a gente aqui insiste
o fim do tempo está próximo não fique ai a toa
Prepare sua alma pois somente Deus perdoa
E o que é que acontece em quatro canto da cidade
Mulecada ta se entregando pra criminalidade
E eu só quero saber onde esse mundo vai parar
Pois diminui a união, cresce a vontade de matar
Aqui acabou o amor, acabou a paz na terra
Desabroxou o ódio preparando aqui pra guerra
E fica na eespera um mundo mais sussegado
sair tranquilamente sem precisão de andar trepado
E eu...
*
Não vou chorar
Nem me deixar levar
Pelas tentações da vida
*
Fecha a ferida, não, não quero mais
Maldição não me atinge perifa tinge a paz
De vermelho e o sangue escorre
Na fita quem atormenta pra atentar os lock
*
Me diz se vale a pena
Para ganhar ibope
Pare enquanto é tempo
Sujeito homem

Ae malandro
Fique de boa
Descanse o calibre
Mesmo tando na bronca
Favela vive em guerra
Não é a toa
Os vermes desta
Terra somente Deus perdoa

* AO MC JR, FÉ E FORÇA GUERREIRO*


2 comentários:

Akinogal disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
MP3 e MP4 disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.