Tradutor

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Sarau Elo da Corrente - Pirituba - agorinha a pouco

Parabéns Paulinho

Parabéns Santista


Imagine você entrar num corredor que termina dentro de uma igreja católica com padre sino e tudo mais e que lá tem uma tela de cinema com fotos da vida alheia passando sob uma trilha sonora gringa entre leituras e poesias estilingadas no ar sob olhar atento de crianças jovens e senhores (as) da melhor idade num bater de palma inflamado de terreiro com atabaque pandeiro chocalho onde a fé vira protesto o protesto vira sertão o sertão vira Àfrica a Àfrica vira beco que um mano rima outro deixa um timido rebento na caixinha de surpresas uma moça faz conexão direta de um celular e pessoas ouvem tudo pelo rádio!?
Confuso?
Pois é, são duas e dezoito da manhã e por causa disso tudo que eu num consigo dormir, mas não é insônia não, é energia mesmo. O Sarau Elo da Corrente ta me contagiando até agora, ainda mais hoje que a Raquel não está aqui pra ficar me ouvindo, não me contentei e vim deixar minhas impressões no blog, quem sabe alguém me escuta, ou lê (sei lá).
João do Nascimento chegando com seu chapéu de couro.
Anderson a recitar "Moçambique/nem minha caneta bic/pode espressar sua dor".
José Corrêa improvisando um cordel matuto.
O pequeno Cauan dançando o tambor de mãos dadas com a Samanta.
Esmeralda Ortiz seduzindo a vida.
Helder assassinando o relógio.
Vagner, aos gritos, pedindo justiça para vingar a injustiça.
Lorival se emocionando com sua primeira vez.
Num foi, é!

2 comentários:

Réu disse...

Salve Rápa do Elo, então não pude ir ontem, por circunstancia de trabalho, mas todo carinho e repeito pelo trampo de vcs, bem alguns dosm meus estiveram ai e curtiram!!!
Parabens é isso daí, fortificar aliteratura Periférica!!!!

Kbça disse...

...e que nossas psicoses e neuroses individuais nao sejam nunca recalcadas e se transformem em ferramentas de contestacao e de mudanca coletiva.
e isso ai mano, tamo junto...